Fazernadaísmo é Contrarrevolucionário

(portugues.llco.org)pinkchair

O Mundo é um pesadelo. Metade de todos os seres humanos vive e morre ganhando menos de 3 dólares por dia. Tem mais pessoas na Índia ganhando 80 centavos de dólar por dia do que pessoas vivendo nos EUA. 22.000 morrem devido a pobreza todos os dias. Aproximadamente 800 milhões de pessoas no Terceiro Mundo estão com subdesnutrição crônica. A diferença entre os países mais ricos e os mais pobres é de quase 72 pra 1. Pra imensa maioria, pros globalmente pobres, que vivem no Terceiro Mundo, a vida diária é uma luta pela sobrevivência. Em contraste, a vida é relativamente fácil pra burguesia global, do Primeiro Mundo. A RIQUEZA DO PRIMEIRO MUNDO É O RESULTADO DA POBREZA E DO SOFRIMENTO DO TERCEIRO MUNDO. O consumismo no Primeiro Mundo é tão grande que ameaça a sobrevivência de toda a humanidade!

Tem aqueles no meio da burguesia global que são completamente inconscientes do fato de que suas vidas são baseadas sobre a exploração da pobreza global e do planeta Terra. Eles seguem a vida deles com ou sem alegria sem ter consciência do impacto do modo de vida deles. Isso descreve muitas pessoas comuns no Primeiro Mundo. Contudo, existem outros que entendem que os privilégios deles são conectados ao sofrimento da vasta maioria e à pilhagem do planeta. Mesmo que eles tenham noção da verdade, eles ainda escolhem não fazer nada. Eles fazem a escolha consciente da inação. De várias formas, o grupo dos inconscientes é menos moralmente repreensível que os conscientes. Os dois grupos permitem a opressão, mas só o último escolhe conscientemente fazer isso. AQUELES QUE VEEM O SOFRIMENTO (CAUSADO POR CULPA PRÓPRIA), MAS ESCOLHEM IGNORAR E SEGUIR EM FRENTE SÃO MAIS REPUGNANTE QUE AQUELES QUE FALHAM POR SEQUER PERCEBER ISSO. Aqueles que reconhecem o sofrimento global, mas falham em agir sobre ele, falham em defender o povo e as organizações populares, são todos culpados por fazernadaísmo. Aqueles que vivem no Primeiro Mundo (ou apoiam a vida consumista dele) e que são conscientes dos grandes problemas enfrentados por nós e não fazem nada, aqueles que ignoram, são “parasitas cor-de-rosa”, social-imperialistas, seja qual for o que eles pensem de si mesmos. Fazernadaísmo é a maior forma de revisionismo hoje.

Não há desculpa pra se desligar da realidade. Não há desculpa pra não lutar por um  Mundo melhor. Temos que nos encarregar de liderança. Temos que colocar as bobagens e o ego de lado. Temos que ousar fazer o precisa ser feito. Revolução não é fácil. A criação todo um Mundo de paz, justiça e sustentabilidade não vai acontecer de um dia pro outro. O sucesso só vem se nós ficarmos juntos como um só. A Vitória só vem pela organização, disciplina, lealdade, liderança. Não é suficiente dar a vida pelo Comunismo Luz-Guiadora, morrer pela libertação total da humanidade e do planeta Terra. Nós temos que desejar viver, com paciência, todos os dias pela Revolução. Nós temos que desejar carregar pequenas cargas, resolver as pequenas tarefas, tarefas invisíveis, que são necessárias. Temos que ter vontade de dedicar nosso tempo e recursos. Não é suficiente declarar nosso compromisso, nós temos que provar isso pela prática. O dever nos chama todo dia. Temos que atender ao chamado. Podemos acordar e sair do pesadelo do capitalismo. É preciso lembrar que revolucionários são otimistas.

Escrito pelo Comandante Campo Flamejante
Traduzido para o português por Rivaldo Cardoso Melo.

Deixe um comentário