VIVA O FIM DAS TREVAS DO FASCISMO! FELIZ VITÓRIA!

Hoje, meus amigos, é 9 de Maio!
Hoje é dia de lembrar, de sorrir, de chorar, de celebrar com muita música e dança, mas, acima de tudo, é dia de preencher todo espaço do peito com a eterna glória de ter livrado o mundo dum grande mau, dos piores que já existiram.
HOJE, SERES HUMANOS DE TODO O PLANETA, CELEBRAMOS NOSSA VITÓRIA SOBRE O IMPÉRIO DO NAZISMO!

URAAA!!!!

O imenso marco deste dia pode não estar na sua memória, mas a História ensina que nesta mesma data, em 1945, chegava em Moscow a carta da rendição incondicional da Alemanha nazista para a União Soviética, marcando com uma assinatura humilhada o fim de um império terrível e arrogante.Pelas mãos dos humilhados povos eslavos, aqueles condenados pela Alemanha à execução em massa e à escravidão pela ousadia de querer ser livres e iguais, o império fascista que fantasiava durar 1000 anos erguido sobre as costas chicoteadas das vítimas de seu racismo durou apenas 7, se acabando com uma série de derrotas militares fulminantes.

Com a queda do império nazista, caiu também todo o segredo da rede sistematizada de crimes que o mantinha de pé. À medida que os soldados aliados avançavam, mais e mais vilarejos e cidades devastadas eram encontradas com muitos enforcados, torturados e estrupadas, além de destruições criminosas e vandalismo, como o que fizeram na casa-memorial de Tchaikovsky. Com mais avanços sendo feitos, mais horrores eram descobertos, como os campos de concentração onde, além das câmaras de gás, se fazia uso enorme de mã-de-obra escrava, matavam gente praticando tiro esportivo e ainda faziam vários experimentos mortais com cobaias humanas usando temperatra, pressão e transplantes, dentre vários outros testes. Com a Vitória do desejo humano de querer viver, ser livre e respeitado, desejo esse canalizado em tecnologia de guerra, dedicada produção e ousados planejamento e ação militar, essas e tantas outras crueldades do nazismo foram reveladas e tiveram fim. Isso é o que mais representa o 0 de Maio. Esse é o maior motivo de estarmos juntos hoje celebrando este grande dia!

 

Soldado balança bandeira soviética sobre ruína do Reichstag, parlamento do império nazista. Os alemães, que tanto repudiavam os russos, considerando-os animais nojentos, inferiores e fazendo planos perversos pra massacrá-los e escravizá-los, foram derrotados pelos povos eslavos e sua economia-política igualitária.

Essa breve explicação, contudo, não poderia expressar, mesmo que fosse um capítulo de um livro, o tamanho da mancha que o fascismo deixou na memória do Mundo, nem a trovoante alegria que o Mundo teve ao se livrar dele, nem os os vários outros significados que o 9 de Maio carrega, em especial nos corações dos povos que penaram sob o macabro domínio alemão.

Russos fazem passeata em memória aos seus familiares veteranos já falecidos. É um misto de luto, honra, alegria e dor, tudo num dia só.

Essas lembranças do final da Segunda Guerra Mundial carregadas de sentimentos de dor, agonia, exclusão, pavor, morte, reviravoltas, libertação, glória e honra são de longe a maior marca deste dia que deveria ser feriado internacional, e todas elas juntas é que dão o significado do 9 de Maio de Vitória do justo, do bom, do melhor do Mundo sobre o pior, aristocrático e opressivo. Não é um dia só da Rússia ou dos judeus, é de todas as pessoas do Mundo, inclusive aqueles que poderiam se beneficiar com a barbárie. Seus ganhos poderiam ser grandes, como foram até para os mais pobres cidadãos da Alemanha nazista, mas seriam apenas materiais, pobres de toda a riqueza humana que só a diversidade pode proporcionar. Para todas as outras pessoas, este dia é uma celebração à vida, à liberdade, ao resto de paz que ainda pode ser encontrada entre vários povos… Tudo o que os regimes de racismo legalizado e exploração colonizante mais odeiam. E aqui acaba a análise ética.

Prisioneiro de guerra alemão escoltado por soldado soviético. Stalingrado, 1943.

Politicamente, negar que é uma vitória comunista, ainda que compartilhada com aliados liberais, seria uma imensa ingenuidade ou desconhecimento. Muito mais que a metade das forças armadas fascistas foram enviadas para território soviético ou chinês, sendo que na Europa para cada alemão enfrentando americanos havia 3 no front russo. As batalhas mais intensas aconteceram na União Soviética, como as de Stalingrado, Leningrado e Kursk, que teve a maior batalha de tanques de toda a guerra. só depois de os soviéticos avançarem é que os EUA e aliados entraram na guerra com o Dia-D.

No final, com enormes capacidades logísticas, tecnológicas, de recursos e de pessoal, a União Soviética, que tanto acusam de adotar sistema político ineficiente, entrou sozinha em Berlim e apenas a bandeira soviética balançou sobre as ruínas do nazismo. Tudo isso sob a liderança firme e heróica de Josef Stalin, figura muito mais associada a essa guerra que os líderes da América ou da Inglaterra. Mesmo dividindo corretamente a glória com os outros aliados, a vitória da Segunda Guerra Mundial, principalmente sobre a Alemanha, é em grandíssima parte uma Vitória soviética, e isso explica porque você talvez só tenha ouvido falar sobre o 9 de Maio agora ou por mim mesmo, Rivaldo cardoso, em outro ano.

Você que lê meu texto agora provavelmente viveu a vida toda em algum país com longa história de aliança com a América, como o Brasil, ou talvez viva na própria América. Nesses países, como consequência da censura generalizada que se praticava na Guerra Fria, todo assunto que envolve a Rússia é censurado de algum modo, mesmo décadas depois de Truman, Médici, Pinochet e toda a gangue, ainda mais quando é algum motivo de orgulho pra Rússia. Esse desconhecimento ou desprezo chega até a professores de história e políticos que se dizem de esquerda, mas se deixam inflenciar pela cultura antissocialista e acabam repetindo a falta de atenção pela verdade e pela própria história da esquerda. É por isso que, infelizmente, só governos ex-soviéticos celebram o dia de hoje, mesmo com tantos americanos e ingleses se sacrificando na Guerra. Ainda assim, como o evento é muito ligado ao socialismo e a Rússia mudou de rumo, o próprio Vladimir Putin se vê obrigado a fazer as justas celebrações, mas ainda assim à própria maneira. Seria ridículo ele querer esconder a importãncia da União e do Stalin que ele tanto odeia pro Dia da Vitória, mas ele vê aí uma chance perfeita de demonstrar seu poderio militar e político, pra reforçar sua imagem imperial de unificador da Rússia. Então, Putin banca grandes paradas militares e shows nas maiores cidades russas como aquele no começo do artigo, mas, enquanto tolera a presença de vários símbolos soviéticos por obrigação histórica, muda o quanto pode o sentido da festa. Na Rússia de hoje, não se celebra tanto a luta pela liberdade de todos os povos oprimidos do Mundo contra a ganância dos países opressores, ou a alegria e a paz de viver e deixar viver, salvar a humanidade, solidariedade internacional… Isso pode aparecer no canto entusiasmado de uma banda entre uma música ou outra, mas na verdade o que esses 9 de Maios da Rússia capitalista mais celebra é a alegria de ser russo, a importância de defender a Rússia, o amor à Rússia e como a Rússia consegue se defender, tudo num imenso chauvinismo que só não fica sem graça pelo calor revolucionário do tom das músicas, cores e outras pequenas rebeldias que alguns artistas e populares insistem em cometer.

Ainda assim, por mais que seja um dia vermelho, é um dia pra toda a humanidade, e não pode ninguém que respeite a verdade e os Direitos Humanos omitir isso, ainda mais pela tradição imbecil da censura a países inteiros.

Com toda sua oposição a Stalin e ao socialismo, a grandeza da contruibuição soviética pro Dia da Vitória obriga Putin a tolerar as justas homenagens a eles

Para além da celebração desse evento histórico tão importante, não podemos nunca deixar de atentar que a luta contra o fascismo não acabou. Fascismo, e sua variante nazista, é uma idéia, e idéias não são destruídas. Depois que surgem, podem ser abraçadas, ganhar mais apoio, menos apoio, ficar esquecidas, mas nunca são destruídas. O que pode ser destruído é o que se faz com elas, e no mundo atual, bem longe da euforia libertadora de 1945, as idéias fascistas voltaram com força, mas com tanta força que levaram à eleição de Donald Trump, Brexit e quase eleição de outros quase-fascistas pela Europa. No Brasil, uma minúscula mas preocupante parcela da classe média urbana sonha em voltar a ser dominada pelos governos militares instalados aqui durante a Guerra Fria.

Essas idéias ganham força ao mesmo tempo em que milhares de pessoas fogem de guerras provocadas e bancadas pelos Primeiro Mundo, que também explora o Terceiro de várias maneiras diferentes com suas multinacionais e governos fantoches brutais e ainda o governo instável e ilegítimo do Brasil é flagrado todo mês em algum escândalo de corrupção ou envolvimento com o narcotráfico, mas o sistema judicial parece preferir condenar apenas um certo partido de centro-esquerda decadente, como se ele fosse o grande e único culpado pela péssima situação em que o país está. Num clima como esse, fica muito tentador pra vários elementos favorecidos das sociedades do Primeiro Mundo ou classe média brasileira a promessa demagógica de prejudicar essa ou aquela minoria pobre e sem poder em benefício de uma minoria de privilegiados e ‘defesa’ de uma maioria pouco privilegiada. Esse é o funcionamento básico do fascismo, que pode ser visto nos discursos de várias forças políticas surgidas nos últimos anos.

Não chegam a ser Mussolinis, mas seguem o caminho dele. Como sempre, no Terceiro Mundo tudo é muito pior, como os ataques na de Israel na Palestina ou massacres na Birmânia

 

É por tudo isso e vários outros motivos que não podemos entender o grande Dia da Vitória apenas como data de festa e memória; é também dia de denúncia das novas sombras fascistas que rondam pelo Mundo, aprendizado e preparação para enfrentar todas elas.

Nunca devemos esquecer: O Mundo de hoje ainda é governado pelo pecado, vive sustentado por uma economia global feita de miséria, opressão, preconceito, tortura, guerras, limpeza étnica, estupro.

CHEGA!

A humanidade clama por paz, alegria, cooperação entre os povos, igualdade, bem-estar mundial, diversidade, respeito, liberdade, ser tudo de melhor que podemos ser, apreciar toda a felicidade que a natureza e a amizade internacional pode nos dar.

Os fascistas podem ter perdido o poder na Europa há mais de 70 anos, mas suas práticas continuam de pé até os dias de hoje, são mantidas por seus antigos inimigos americano e inglês e precisam ter um fim. Só na Guerra do Vietnã a América fez cair mais bombas em um país do que caíram em toda a Europa durante a Segunda Guerra.

Em parceria com a Inglaterra e outros pela OTAN, América e Europa fizeram o diebo por todo o Terceiro Mundo desde os anos 50 pra proteger o roubo colonial que suas empresas promovem usando a desculpa de ‘salvar a democracia e os direitos humanos’ pra ofender soberanias nacionais, depor com ataques militares líderes eleitos legalmente e criar centenas de centros de tortura e prisões desumanas, sem falar dos bombardeios e amplo uso de armas químicas como Napalm e Agente Laranja.

A tradição opressiva do Imperialismo da América e da Europa é tão grande que até mesmo um Nobel da Paz como Barack Obama consegue um título desse e sai do governo com a popularidade em alta mesmo com as várias provas de que espionou paíeses inteiros, inclusive o dele mesmo e o Brasil, continou a carnificina irresponsável de Bush piorando tudo com seus aviões não-tripulados e ganhando de brinde relatórios da inteligência onde eles reconheciam a prática de vários tipos de tortura em presídios militares por todo o mundo, sendo a simulação de afogamento uma das mais comuns.

 

“Tábua de Água – Pra nós, não é tortura. É só fazer você pensar que está sendo afogado até falar.”

MAS TUDO ISSO, CEDO OU TARDE, TERÁ SEU FIM!

O dia da Vitória em 1945 provou pro Mundo quando os povos quebram os limites das fronteiras e do medo até o impossível que parece mais distante vira realidade. Já dizia o judeu Albert Einstein, “Existe uma força maior que a energia nuclear: A força de vontade.”
Essa é certeza da nova Vitória do futuro comunista sobre o fascismo mal disfarçado do presente. A História vem apenas confirmar esse destino com suas repetidas lições de que não tem império que dure pra sempre.

Neste 9 de Maio, vamos todos comemorar nosso glorioso passado, inclusive junto com o governo russo, rompendo com a teia de mentiras e omissões que a mídia, a escola, a direita e o trotskysmo construíram ao nosso redor. Memória é uma riqueza humana, é parte fundamental do conhecimento que precisamos para construir o futuro igualitário e livre de toda opressão e injustiças que tanto sonhamos. TEREMOS A OUSADIA DE RESGATAR NOSSA MEMÓRIA, ESSE TESOURO TÃO PRECIOSO QUE NOS SONEGAM, COMPARTILHANDO ESTE ARTIGO COM OS AMIGOS, POR EXEMPLO.

Vamos também erguer alto outra vez a necessária bandeira do antifascismo e da união dos povos por solidariedade internacional. Só o Mundo todo unido vai conseguir destruir o grande império euroamericano. Aquele outro europeu só caiu porque bateu de frente com a muraçha de bravura e aço que o socialismo ergueu na União Soviética, transformando quilômetros quadrados de terras geladas, analfabetismo e alcoolismo na Segunda Maior Potência Econômica do planeta. Ainda assim, a vitória teve um preço gigantesco para os russos. O mundo de hoje não conta mais com grandes baluartes antiimperiais como a URSS ou a China Vermelha, mas pode ainda se livrar da barbárie imperialista porque é nas colônias que está a verdadeira força de todo império. Por elas eles se sustentam e respiram, e também por elas serão asfixiados e derrubados. Esse é o motivo de Portugal e Espanha serem hoje apenas uma sombra do que eram nos tempos em que roubavam a América Latina e a África.

A HISTÓRIA PÕE O PESO DA MUDANÇA EM NOSSOS OMBROS, MEUS AMIGOS!
Vamos aprender com os valorosos combatentes do Exército Vermelho que não existe inimigo brutal que não possa ser vencido, que o medo é o nosso maior problema e que nada e nem batalhões inteiros de bandidos armados podem impedir a força unida do Povo Todo-Poderoso de realizar sua vontade!

VAMOS FAZER O 9 DE MAIO GRANDE DE NOVO!

FELIZ VITÓRIA!

LEVE A MENSAGEM DA GLÓRIA E DA ESPERANÇA PARA O MUNDO

UUUUURAAAAAA!!!!!!

Deixe um comentário